Todos os caminhos levam a Cedamusa: o antimodernismo pós-moderno de Padre∕Dom Rifan na constituição do neotradicionalismo da Administração Apostólica Pessoal São João Maria Vianney

Atualmente, observa-se o crescimento do número de adeptos às vertentes conservadoras de movimentos políticos e religiosos no cenário brasileiro e mundial. No catolicismo, destacam-se os chamados tradicionalistas, representantes da ala ultraconservadora da Igreja. Os “tradicionalistas de Campos”, em...

Full description

Saved in:  
Bibliographic Details
Published in:Horizonte
Main Author: Zaquieu-Higino, Paulo Victor
Format: Electronic Review
Language:Portuguese
Check availability: HBZ Gateway
Journals Online & Print:
Drawer...
Published: [publisher not identified] [2020]
In: Horizonte
IxTheo Classification:CB Christian life; spirituality
CG Christianity and Politics
CH Christianity and Society
KDB Roman Catholic Church
NCD Political ethics
Further subjects:B Antimodernismo
B Book review
B Conservadorismo
B Ethos Discursivo
B Catolicismo
B Tradicionalismo
Online Access: Volltext (doi)
Volltext (kostenfrei)
Description
Summary:Atualmente, observa-se o crescimento do número de adeptos às vertentes conservadoras de movimentos políticos e religiosos no cenário brasileiro e mundial. No catolicismo, destacam-se os chamados tradicionalistas, representantes da ala ultraconservadora da Igreja. Os “tradicionalistas de Campos”, em específico, encontram-se divididos entre as ideias apologéticas do Concílio de Trento, as exigências da sociedade (pós)moderna e a reforma proposta pelo Vaticano II, necessitando desenvolver adaptação do seu modo de comunicar seu ideal antimodernista, sem romper sua identidade idealizada. Nesse contexto, é produzida nova identidade (a Administração Apostólica Pessoal São João Maria Vianey) dentro de uma pluralidade de identidades, comunicando-se com estas, ainda que para negá-las - a Igreja Pós Conciliar e a sociedade onde está inserida. Portanto, nesta pesquisa, pretende-se analisar o ethos discursivo de Padre/Dom Rifan, nos seus livros Quer agrade, quer desagrade, escrito quando era porta voz da cismática União sacerdotal São João Maria Vianney, e o livro Sementes, escrito como bispo e administrador apostólico da referida Administração Apostólica. A partir da metodologia e referencial teórico da Análise do Discurso de filiação francesa, busca-se uma compreensão das bricolagens feitas pelo atual bispo administrador, que constituem o neotradicionalismo da Administração Apostólica, a qual, inspirada por seu líder, desenvolve um antimodernismo pós-moderno.                                                                              
ISSN:2175-5841
Contains:Enthalten in: Horizonte
Persistent identifiers:DOI: 10.5752/P.2175-5841.2020v18n56p875